Opinião de quem já leu

Fui fisgada pelo Picta Mundi logo nas primeiras páginas. Além de ser uma excelente premissa, a história foi cuidadosamente bem amarrada e escrita com esmero. É surpreendente um romance de estreia contar com tanta técnica. As cenas são bem entrelaçadas e as personagens devidamente apresentadas. O inteligente texto não subestima o leitor infantojuvenil e nos convida a entrar nesse universo criado por Gleice. Vibrei e me empolguei com a saga das personagens como se estive, de fato, dentro do Picta Mundi. Não tenho dúvidas do talento de Gleice Couto para a literatura.

Laura Conrado, autora de Freud, me tira dessa!
(vencedora do Prêmio Jovem Brasileiro 2012)

Picta Mundi é uma aventura divertida e inteligente. Com uma narrativa dinâmica e muito bem escrita, a leitura flui rapidamente, mantendo o leitor preso às páginas. É impossível não desejar conhecer os vários quadros que compõe este rico mundo, uma verdadeira viagem por momentos históricos do Brasil. Leitura mais que recomendada para os amantes da boa fantasia.

Roberta Spindler, autora de Contos de Meigan

Com uma narrativa envolvente e um enredo muito bem construído, Gleice Couto nos leva a acreditar no mundo fantástico de Picta Mundi. É uma leitura leve, cuja trama concilia aventura, ação, sobrenatural e romance com técnica e sensibilidade, propondo um entretenimento de qualidade para leitores de qualquer idade. Nem senti o tempo passar, quis explorar a realidade paralela, quis conhecer mais sobre os protagonistas, não quis que o livro chegasse ao fim. E, quando chegou, aplaudi de pé. Uma belíssima estreia de mais um talento da literatura nacional.

Lu Piras, autora de Equinócio e coautora de A Última Nota

Picta Mundi não é apenas um livro sobre literatura fantástica. É a conjunção de uma bela narrativa com uma estrutura convincente, tão intenso que pode ser quase vivenciado pelo leitor. Uma aventura que te deixará surpreso e, mais do que isso, sentado na ponta da cadeira.

Felipe Colbert, autor de Belleville e Ponto Cego e coautor de A Última Nota

Um livro que poderia tranquilamente servir de passagem multidimensional. Ao ler Picta Mundi, qualquer um passa de mero leitor a integrante ou, para falar o mínimo, visitante de um universo novo, criativo e intrigante. É um verdadeiro pacote de luxo: romance, aventura, fantasia, ciência… Tudo com o bônus de uma bela pitada de diversão. Entretenimento simples, gostoso e de qualidade.

Kimberlly de Moraes, Blog Último Romance